Para reinventar o modelo de ensino, não basta comprar lousas digitais e computadores. Inovar, como já está provado, não é só adotar novas tecnologias. É mudar a cultura do ensino e a forma de se organizar. Inovação não é apenas tecnologia, é pensar diferente.

Evolução que não vêm para competir com as práticas essenciais do ensino, mas para caminhar junto, de maneira dosada e equilibrada, potencializando o pensar de cada aluno e transformando-os em verdadeiros protagonistas de suas histórias.